02/08/2010

O amor tudo crê e tudo espera .

O maior problema dos dias atuais não é a depressão, mas o desamor, o desajuste familiar.
A tecnologia esta muita avançada, mas ainda não inventaram uma maquina que faça uma leitura da vida espiritual, da alma das pessoas, pois hoje na verdade os corações estão feridos, machucados, falta amor.
O amor não é um sentimento, mas uma disposição de renunciar a si mesmo, um casamento sem renuncia não vai pra frente.
No casamento precisamos viver como o Monsenhor Jonas nos diz: “ou santos, ou nada”, ou tudo ou nada. O amor tudo crê, tudo espera, tudo perdoa, e este, não é um amor sentimento.

Há casais que dizem estar realizado, mas eu fico preocupado, pois tem muita gente vivendo junto, na mesma casa, com o mesmo nome, mas estão muito distantes um do outro, acomodados em seus caprichos e suas vontades.
Se você não se abre, Deus não pode fazer nada, então eu pergunto:
até que ponto você esta disposto a mudar pelo outro, pra salvar seu casamento?
O Papa Bento XVI nos ensina em uma encíclica sobre o amor entrega, o amor doação, mas também fala do amor eros, pois Deus passa pela sexualidade, então você precisa viver bem também esta dimensão.

O que é o amor?
É você procurar sair dos seus caprichos. E há muitos homens e mulheres, que não conseguiram amadurecer, e vivem como 'solteirões', sem responsabilidade, sem compromisso.
Um amor que vem de Deus, é capaz de crer mo amor restaurador de Deus.
E onde você tenta resolver suas crises matrimoniais?
Uma crise matrimonial se resolve em Deus, na Palavra, na frente de Jesus, e não na cabeleireira, na manicure, ou no caso dos homens, boteco, na sinuca, bebendo cachaça.
Que Deus você crê?
Em um Deus fraco, que fica dentro do sacrário, que não tem poder na sua vida, ou sou eu que não dou espaço para Deus agir.
Onde esta o amor que crê?
Acredite mais neste Amor, no amor de Deus, quem não se sente amado por Deus não vai saber amar sua esposa, seu marido, pois foi Deus que nos amou primeiro assim diz a Palavra.

Dentro de um casamento muitas vezes não temos paciência de esperar, não aprendemos a respeitar a velocidade e o tempo do outro, somos a geração do online.
Esposas quero dizer que o seu marido e filhos, e maridos, seus filhos e esposa, não vão encontrar Jesus na mesma hora que você, pois cada um tem seu momento com Deus, não exija que ele amadureça ao mesmo tempo que você.
A questão é: como viver esta espera pelo encontro com o Senhor?
É necessário viver um espera vigilante, uma espera orante, uma espera diante do Senhor e não diante das novelas, acomodado. Viva a espera vigilante, pois nosso papel é semear, e não colher, colher cabe a Deus, viva esta espera, pois o Senhor vai agir na hora Dele.

Você acha que só com uma novena, só com um acampamento, tudo vai mudar,?
Oração é como caixa d'água, nos só lembramos quando falta água na torneira, você precisa rezar sempre, buscar sempre o Senhor, para que não falte água nunca.

Quando a dor é demais, fale com Deus, visite mais o Santíssimo, se você tem que brigar, brigue com o Senhor, se vai reclamar, reclame com o Senhor.
Se a magoa for profunda, e vier uma lembrança dolorosa, entregue ao Senhor, mesmo que venha muitas e muitas vezes, todas elas entregue ao Senhor.
Quem leva uma pancada nunca esquece, quem é traído também não vai esquecer, mas perdoar é lembrar sem sofrer, quem já sofreu a dor da traição, entregue ao Senhor, a cicatriz fica, mas a dor passa.


Sugiro que os casais façam juntos uma leitura orante da Palavra de Deus, então quero indicar I Corintios 7, para o casal meditar e rezar junto.

Padre não se casa, para entregar seu coração indiviso a Deus, celibato é valor, e castidade é para todos.
Um casal precisa ser casto, seu coração não pode estar dividido, você precisa viver a castidade no seu casamento para se dar por inteiro ao outro.
O dever de um casal é amor e fidelidade, estas são as promessas matrimoniais, feitas no altar. Se tem amor o resto é complemento, a santidade passa pela sexualidade, Deus passa pela sexualidade.
Quem é fiel a Palavra não agrada todo mundo, quem é fiel a Deus não pode ficar em cima do muro, por isso seu coração não pode estar divido, eu como padre quero ir para o céu, quero ser santo, e você também deve desejar a santidade, ou tudo ou nada como diz São João da Cruz

. Quero sugerir outro texto para os casais Efésios 5, a partir do versículo 22, façam a leitura orante da Palavra de Deus juntos. N
ão existe príncipe encantado, nem cinderela, existe sim esta pessoas frágil, limitada que esta ai ao seu lado, não existe pessoa perfeita, então pelo amor de Deus junte as imperfeições dos dois ao Amor perfeito que é Deus, divida as limites, some as qualidades e multiplique o amor.
Se disponha a crer no Deus que tudo pode.

Transcrição e adaptação: Carlos Eduardo
http://www.cancaonova.com/portal/canais/eventos/novoeventos

**********************

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores

activities (213) alegria (67) amor (123) ano novo (28) Bayeux (89) coração (74) Cristo (62) Deus (302) ebook (28) english (696) feliz (91) fundamental II (14) grammar (56) ingles (569) inglês (460) Jesus (357) lingua inglesa (518) Maria (101) neidefbg (41) neidinha franca (39) oração (69) paz (59) pb (63) professor (32) teacher (71) teaching (44) tips (192) worksheets (100)

Facebook

Arquivo do blog