14/08/2015

Mitos e verdades sobre a fluência em inglês.


É muito difícil identificar o real motivo do sucesso de uns e o fracasso de outros, porém existem alguns mitos e verdades que nos ajudam a entender esse tema um pouco melhor.
Mito 1 – Só pessoas inteligentes aprendem inglês – Se você pensa que inteligência é um fator essencial quando QI NÃO INFLUENCIA NA HORA DE APRENDER IDIOMAaprendemos um novo idioma, você está enganado. Não existem estudos que comprovem que pessoas que vão melhor em testes de QI aprendem uma nova língua mais facilmente. Algumas pessoas que normalmente seriam consideradas inteligentes podem achar difícil a aprendizagem de línguas, enquanto outros, que conseguem resultados menores em testes de QI, podem facilmente conversar em um novo idioma. 
Por que isso? Há certamente alguns aspectos da inteligência que ajudam na aprendizagem de línguas , mas outros traços de personalidade podem ser importantes também.
Mito 2 – Eu só vou falar inglês fluente morando no exterior – Algumas pessoas pensam que é possível falar inglês apenas se você morar fora do Brasil, o que não é verdade.  É possível ser fluente em inglês sem sair do Brasil, existem muitas ferramentas para se aprender inglês aqui. Se você realmente quiser, é possível estar em contato com o inglês o tempo todo, através de rádios, tv e internet. Conheci muitas pessoas com inglês fluente que nunca saíram do Brasil, e muitas outras que moraram fora e não se tornaram fluentes em inglês. Portanto, este não é um fator determinante para o sucesso no idioma.
Mito 3 – Existe um método mágico pra aprender – Não existe um método ou fórmula mágica para aprender inglês. Não existe fórmula mágina para aprender inglêsExistem sim muitos métodos e a maioria funciona. Seria muita prepotência dizer que apenas um método ou outro vai te levar a fluência, porém, inglês fluente em 4 semanas, simplesmente não existe. Esse tipo de abordagem é feita para os preguiçosos, não se deixe enganar.
Mito 4 – Quando eu chegar na fluência eu nunca mais vou precisar estudar inglês – Tudo o que você não pratica você esquece, um novo idioma não é diferente.Infelizmente aprender inglês não é igual a andar de bicicleta, se você parar, você vai esquecer muita coisa e provavelmente vai perder sua fluência. Inglês é para a vida toda. Você não precisa frequentar uma sala de aula a vida inteira, mas certamente terá que falar inglês com seus amigos, continuar vendo filmes em inglês, lendo livros ou qualquer outra atividade que te possibilite manter o idioma vivo.
Verdade 1 – Não gostar de inglês me impede de aprender – Se você não gosta de inglês,  vai ter uma grande dificuldade em aprende-lo. Praticamente tudo o que não gostamos, não fazemos bem feito, seja um trabalho,  esporte e principalmente aprender um novo idioma. Se você não gosta de inglês, procure gostar, aprenda a gostar, escute músicas em inglês, veja filmes em inglês, leia em inglês. Se você não gosta de inglês, é bem provável que você é uma daquelas pessoas que estudam inglês por muito tempo e não conseguem chegar a fluência.
goldfish jumping out of the waterVerdade 2 – Quem não arrisca não petisca –  Quem aprende um novo idioma tem mais é que se jogar na língua, tem que arriscar, tem que falar, tem que tentar, tem que errar. Aprender um novo idioma é assim mesmo, tente escutar e entender em inglês, sem traduzir, tente se comunicar em inglês, não lute contra ele, se entregue, arrisque e seja fluente mais rápido. Tente falar inglês em todas as oportunidades que você tiver, seja na sua aula de inglês ou em outros lugares. Quando comecei a aprender inglês, eu não perdia uma oportunidade sequer de falar o idioma, na escola eu falava inglês desde o momento em que eu pisava na recepção até a hora que eu ia embora, e quando ia embora, voltava falando sozinho em inglês para praticar todas as coisas novas que havia aprendido na aula. Eu falava com outras pessoas na internet, com os meus amigos, e essa atitude me ajudou muito a aprender. Então fica a dica, se arrisque!
Verdade 3 – Prática leva a perfeição – Se você vai pra escola de inglês, estuda sozinho em casa, ou mora no exterior, a prática é essencial para você se tornar fluente. Se você vai pra escola de inglês, mas só quer falar português, da apenas respostas diretas, e evita conversações em inglês, você vai demorar muito mais para se tornar fluente. Se você estuda em casa, mas apenas lê textos, ou vê videos e não pratica, você não vai se tornar fluente. Se você mora no exterior e vive rodeado de brasileiros, também.  O segredo é praticar, é fazer suas lições, escutar músicas, ver videos, filmes, seriados e tentar usar tudo aquilo que você está aprendendo.
Verdade 4 – Fluência leva tempo – Ninguém aprende inglês de um dia para o outro, e ninguém se torna fluente de umInglês leva tempo dia para o outro. Se você tem amigos realmente fluentes em inglês, converse com eles e pergunte quanto tempo eles demoraram para aprender o idioma e o que eles fizeram para aprender. É natural levar algum tempo pra aprender algo novo , isso não quer dizer que você tem que estudar inglês por 5 anos pra se comunicar bem. Com toda certeza, em 1 ou 2 anos você será capaz de se comunicar, de entender a língua, especialmente se você gosta do idioma e tem o hábito de praticar, porém para chegar a um nível alto do idioma com um vasto vocabulário, uso de expressões e um listening apurado leva tempo, portanto seja paciente.
Mais dicas visite o blog do Teacher Will 

CONSTRUIR VOCABULÁRIO EM INGLÊS.


Connect: É mais fácil memorizar palavras baseadas em um tema comum. Faça suas próprias conexões entre palavras e, se quiser, organize-as em um diagrama.

Write: Usar o vocabulário de forma prática pode ajudá-lo a marcar as palavras em sua mente. Faça frases com o novo vocabulário ou escreva uma história usando um grupo de palavras ou expressões.

Draw: Solte o artista em você desenhando figuras relacionadas às palavras que você estudou. Seus desenhos podem ajudar a engatilhar sua memória no futuro.

Act: Movimente-se atuando as palavras e expressões que você aprende. Ou então, imagine e represente uma situação onde você precisaria usá-las.

Create: Crie flashcards em Inglês e estude-os no seu tempo livre. Faça novos a cada semana, mas continue revisando todos eles.

Associate: Associe cores diferentes a palavras diferentes. Isto irá ajudá-lo a lembrar do vocabulário depois.

Listen: Pense em outras palavras que soem parecidas com as que você está aprendendo, especialmente palavras complexas. Associe as outras palavras com a nova para ajudá-lo a se lembrar da pronúncia.

Choose: Lembre-se que tópicos que te interessam serão mais fáceis de aprender. Portanto, selecione cuidadosamente as palavras que você considera úteis ou interessantes. Mesmo o processo de escolha já ajuda na hora de se lembrar!

Limit: Não tente decorar o dicionário em um só dia! Limite-se a 15 palavras por dia, e você ganhará confiança ao invés de se sentir sobrecarregado.

Observe: Procure as palavras que você estiver estudando quando estiver lendo ou escutando Inglês.

Assista ao vídeo abaixo:

“A Cor Púrpura” é um filme de Steven Spielberg (de 1985), nele, Nettie ensina a irmã Celie a ler colocando etiquetas (papéis) com os nomes dos objetos. Ela lê e em seguida soletra cada palavra para a irmã. Dessa maneira, cada vez que Celie olha para os objetos, ela vê as palavras, vai aprendendo e memorizando-as. 

Observe o vídeo:



Visite: https://profnadialacerda.wordpress.com/category/dez-dicas-para-construir-vocabulario-em-ingles/

Learning English Apps ( Britsh council ) - APLICATIVOS PARA APRENDER INGLÊS EM SEU CELULAR OU TABLET.


Improve your grammar skills with LearnEnglish Grammar, 

the #1 educational mobile app. 





DATAS COMEMORATIVAS NA AULA DE INGLÊS




Valentine´s Day, Mother’s Day, Easter, Father’s Day, Halloween, Thanksgiving, Christmas… Essas são algumas das datas comemorativas que podem e devem ser exploradas não somente nas escolas de idiomas, mas também em todas as aulas de inglês de qualquer escola, seja pública seja particular.

A maioria das datas especiais é comemorada internacionalmente, neste contexto, os alunos podem comparar as diferenças culturais entre as comemorações e aproveitar a oportunidade para comemorar em sua escola.

Entretanto, existem as comemorações peculiares de alguns países onde a língua inglesa é classificada como língua materna, como exemplo, uma data especial americana chamadaSaint Valentine’s Day” ou “Valentine’s Day”, a qual atualmente representa o dia tradicional em que amigos e namorados se presenteiam, declarando seus sentimentos. Já nesse contexto, o professor apresenta um novo hábito cultural e através de uma situação real, ou seja, através da comemoração na escola ou sala de aula, explora conteúdos lingüísticos. 

O trabalho com eventos especiais permite a realização de situações reais, como a própria comemoração na escola, a qual além de motivar a aprendizagem, possibilita que o professor não desvincule língua e cultura. Desta forma, estimulam os alunos a desenvolverem o conhecimento do idioma através de habilidades funcionais; dependem do contexto para a utilização adequada do idioma.

Levar as datas comemorativas até a sala de aula também possibilita aos alunos experimentarem o uso da língua inglesa tanto escrita como falada com emoção. Por exemplo, a criação de cartões comemorativos ou presentes especiais oferece um cenário confortável e seguro para aluno.

Segundo Stephen Krashen, a aquisição de uma segunda língua dificilmente se concretiza num ambiente desconfortável e inseguro.  Um contexto seguro se desenvolve através da prática pedagógica do professor. Sendo assim, é importante incluir as datas comemorativas no calendário da escola ou do professor, pois se deve aproveitar as comemorações para a criação de situações reais e agradáveis, onde os alunos podem ser ativos no processo de aprendizagem.


Bibliografia

https://profnadialacerda.wordpress.com/category/a-importancia-das-datas-comemorativas-na-aula-de-ingles/

Wikimédia – http://www.wikipedia.org

Parâmetros Curriculares Nacionais – Língua Estrangeira (1998)
Krashen, Stephen D.  Second Language Acquisition and Second Language Learning.  Prentice-Hall International, 1988. 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores

activities (216) alegria (67) amor (123) ano novo (28) Bayeux (89) coração (74) Cristo (62) Deus (302) ebook (28) english (704) feliz (91) fundamental II (14) grammar (56) ingles (570) inglês (462) Jesus (357) lingua inglesa (518) Maria (101) neidefbg (41) neidinha franca (39) oração (69) paz (59) pb (63) professor (32) teacher (72) teaching (44) tips (192) worksheets (101)

Facebook

Arquivo do blog